Universidade Candido Mendes - Campos dos Goytacazes - Institucional

A Universidade Candido Mendes tem como mantenedora a Sociedade Brasileira de Instrução, a mais antiga instituição particular de ensino superior do país, fundada em 1902 pelo Conde Candido Mendes de Almeida, juntamente com a Academia de Comércio do Rio de Janeiro. Em 1919, foi criada a Faculdade de Ciências Políticas e Econômicas do Rio de Janeiro, a primeira escola superior de Economia do Brasil.

A Academia transforma-se, nos anos 50, na Escola Técnica de Comércio Candido Mendes, dedicada exclusivamente ao ensino médio. Na mesma década, Candido Mendes de Almeida Junior cria a Faculdade de Direito Candido Mendes, sediada no Convento do Carmo, na Praça XV de Novembro, instaurando um padrão de excelência na área das ciências jurídicas e sendo precursora no ensino da prática forense.

Nos anos 60, o atual reitor, Candido Mendes, inaugura o Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro – IUPERJ, dedicado à pós-graduação stricto sensu, com mestrado e, posteriormente, doutorado em Ciência Política e Sociologia. A qualidade do ensino e do programa de pesquisas desenvolvidos no IUPERJ tem reconhecimento nacional e internacional.

Na década de 1970, a então Faculdade Candido Mendes se expande para Ipanema e desenvolve programas de formação técnico-científica e cursos de Administração de Empresas, que dão origem aos campi de Campos dos Goytacazes e de Nova Friburgo. Também em Ipanema, foi criado o Centro Cultural Candido Mendes, que se tornou ponto de referência da cultura carioca e foi pioneiro em uma série de iniciativas nas áreas de cinema, teatro, artes plásticas, poesia, vídeo e ensino de extensão.

A partir de 1997, ano em que a Candido Mendes é credenciada, por decreto presidencial, como universidade especializada em Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, novos cursos e campi são criados, entre os quais as unidades da Tijuca, do Centro (Pio X), de Padre Miguel, de Jacarepaguá e do Méier, além das de Niterói e Araruama, no estado do Rio de Janeiro, e de Vitória, no Espírito Santo.

Em 2001, surge o Instituto de Humanidades, integrando ensino, pesquisa e extensão, com amplo programa de iniciação científica. Agrega dois centros de estudos e cursos de graduação, nas modalidades de bacharelado e licenciatura, e de pós-graduação, em Ciências Sociais, História, Letras, Fotografia, Arte e Cultura, Turismo e Relações Internacionais.

A Universidade Candido Mendes destaca-se das suas congêneres por ser uma instituição historicamente comprometida com a excelência nas atividades de pesquisa e pós-graduação, mantendo centros e institutos de pesquisa, sete programas de mestrado e dois de doutorado, bem como dezenas de cursos de pós-graduação lato sensu. Publica seis revistas acadêmicas.

A instituição inaugurou, a partir de 2011, novos campi em diferentes regiões do Rio de Janeiro, como, por exemplo, as unidades de Santa Cruz, Bangu e Campo Grande, na Zona Oeste, e a unidade da Penha situada na Zona Norte da cidade.

Distribuídas por um total de 15 unidades com 21 cursos de graduação e diversos outros nas modalidades sequencial e tecnológica, as atividades da Universidade Candido Mendes, apoiada em mais de um século de tradição e excelência, em que se firmou como referência nacional e internacional em Ciências Humanas e Sociais, reúnem mais de 20 mil estudantes e 1.000 professores e pesquisadores.