Voluntariado: mais que uma oportunidade pessoal, uma chancela curricular

Você sabia que o voluntariado é uma grande oportunidade pessoal e também profissional? Isso mesmo, a responsabilidade social tornou-se um dos assuntos mais discutidos e praticados no ambiente empresarial. E foi justamente esse o tema do Orienta Candido, realizado nesta quinta-feira, dia 2.

“Além de abrir o meu olhar e a minha percepção sobre a necessidade do próximo, por meio do meu trabalho voluntário no TETO, eu desenvolvi habilidades e características que estão sendo fundamentais no meu trabalho”, comentou Victor Hugo Areas, ex-aluno da Candido Mendes e voluntário na Organização Social TETO, durante sua apresentação no Orienta Candido.

Segundo Elis Moura, analista de RH do Grupo Barcelos, as empresas estão preferindo candidatos que já tenham essas habilidades comportamentais, cujo desenvolvimento delas é proporcionado pelo trabalho voluntário. “É melhor para empresa, principalmente em relação a custos e tempo, treinar as habilidades técnicas. Comportamental você não treina. Para se ter uma ideia, de cada cinco desligamentos nas empresas no Brasil, três estão relacionadas ao comportamento”, explicou Elis.

TETO

A Organização social TETO trabalha na construção de moradias temporárias em comunidades com situação precária, em uma missão para superar a pobreza através da formação e ação conjunta dos moradores e moradoras, jovens voluntários e voluntárias e outros atores.

Em Campos dos Goytacazes, já foram construídas quatro casas na comunidade Aldeia III e agora uma nova campanha está no ar para construção de mais casas. O link para contribuir é https://www.catarse.me/cintiaevictor?ref=user_contributed&project_id=91076&project_user_id=1061279.

Aguarde, realizando operação...
CLIQUE PARA ACESSAR: