Você sabe como passar pelas etapas virtuais de um processo seletivo?

 width=

As novas tecnologias estão por toda parte. E nos processos seletivos não poderia ser diferente. Muitas empresas desenvolvem boa parte da seleção de novos colaboradores pela internet. Isso mesmo. Pesquisas apontam que 50% dos currículos enviados para uma determinada vaga já são dispensados na primeira etapa de filtragem, que na maioria dos casos acontece no mundo virtual.

Muitos sites de vagas são apenas plataformas online que auxiliam as empresas a encontrar os melhores candidatos. O recrutador da empresa que disponibilizou a vaga insere critérios e informações para escolher o currículo mais aderente à vaga em questão. Além disso, é possível determinar a relevância de cada critério ou informação, uma espécie de peso. Ou seja, os candidatos ficam ranqueados, estando no topo aquele que atendeu melhor os critérios com peso definido pelo recrutamento.

É importante que o candidato tenha foco no cargo e área que deseja atuar. Os recrutadores conseguem, através de cruzamento de dados, saber que o candidato se inscreveu, por exemplo, para dois cargos diferentes na mesma empresa. Na visão dos selecionadores, esse comportamento dá interpretação para falta de foco.

Currículo

Além disso, não deixe de preencher todos os campos solicitados no momento do cadastro do currículo e use as palavras-chave corretas e aderentes ao cargo que se pretende. Por exemplo, se a oportunidade exige domínio do inglês e você não tem, imediatamente irá para baixo no ranqueamento. Outro exemplo, se a vaga exige um tipo de software, provavelmente o nome desse software será usado como palavra-chave e o recrutador irá usar no buscador.

Após o preenchimento adequado e estratégico do currículo, vem a etapa dos testes iniciais, que geralmente abarcam o raciocínio lógico, idiomas, língua portuguesa e quiz comportamental. Atente-se para esse momento. Prepare-se antes de iniciar, estude, faça questões sobre o tema e tire todas as suas dúvidas.

O raciocínio lógico avalia a capacidade que o candidato tem para resolução de problemas. Muitos candidatos não gostam dessa etapa pela forte exigência de cálculos. Para essa etapa, reserve um período do dia que você considere que o seu cérebro funciona melhor. Tenha em mãos papel e caneta para rascunho dos cálculos. Ter uma calculadora por perto também pode ser uma mão na roda, já que o grau de dificuldade tende a ficar maior gradativamente e esses testes também tem tempo determinado para cada questão.

Idiomas

Para os testes de idiomas, o grau de dificuldade exigido é compatível com o nível especificado na vaga. Geralmente, são avaliados vocabulário, interpretação de texto, gramática e uso de palavras específicas (que provavelmente serão muito utilizadas no exercício da vaga em questão). Separe um tempo para execução do teste. Faça simulados de provas (há várias delas disponíveis na internet). E antes de realizar, traga o idioma para sua rotina: ouça músicas, leia livros, assista filmes. Isso com certeza vai te ajudar no momento do teste. Preparação como essa, também é recomendada para a prova de língua portuguesa.

Fit cultural

E o questionário comportamental, recomenda-se preenche-lo em um momento seu tranquilo e ambiente propício, já que situações que você esteja vivendo podem influenciar nas suas respostas. Esse, chamado atualmente de fit cultural, é o quanto um candidato se enquadra à empresa, ou seja, o quanto que ele compartilha dos mesmos valores, características e comportamentos adequados e fundamentais para que suas habilidades sejam realmente aproveitadas na sua totalidade.

Depois de todas essas etapas, seguem as partes presenciais, muitas vezes adaptadas também no mundo virtual, como as videoconferências. Se você chegou até elas, parabéns! Você é um forte candidato a conquistar essa vaga. Boa sorte. Se não chegou lá ainda, não desista, siga nossas dicas e em breve você chegará lá!

Aguarde, realizando operação...
CLIQUE PARA ACESSAR: