Você tem todos os pré-requisitos?

 width=

Essa é uma pergunta que você deve se fazer sempre que for se candidatar a uma vaga de emprego, estágio, trainee ou mesmo em qualquer tipo de processo de seleção. Avalie esses pré-requisitos. Observe quais você tem e quais seria possível você adquirir, por exemplo, ao longo do processo ou mesmo já atuando como funcionário. Uma coisa é certa quanto mais aderência você tiver com as exigências da vaga, maior será a probabilidade de avançar para uma próxima etapa.

O mercado de trabalho é cada dia mais exigente. Mas será que você deve descartar uma oportunidade porque não atende 100% dos pré-requisitos? Para especialistas de RH, esse 100% é o ideal, mas muitas vezes está longe do real. Assim, por causa, por exemplo, do número de profissionais disponíveis e 100% aderentes aos pré-requisitos, a probabilidade do recrutador selecionar por similaridade é bem maior. É como se a situação o forçasse a adotar a regra desse tipo de contratação.

A orientação é observar quais são os requisitos essenciais. Aqueles imprescindíveis para o exercício da função. Por exemplo, uma vaga para atuação em um aeroporto internacional, o domínio do inglês seria essencial. Mas vale ressaltar também que muitos desses pré-requisitos variam de empresa para empresa. Geralmente as empresas tradicionais, mais conservadoras valorizam os conhecimentos técnicos e a execução das atividades do cargo. As chamadas empresas disruptivas, inovadoras, como as startups, consideram mais importantes profissionais que sejam comprometidos, altamente pró-ativos e com fácil aprendizagem.

Você pode estar pensando: o mercado de trabalho está muito difícil, preciso de um emprego, então vou atirar para todos os lados. Muita calma nessa hora! Não adianta se candidatar a vagas que não se encaixam no seu perfil. A maioria das oportunidades estão em sites que possuem uma tecnologia muito avançada de análise e ranqueamento, que excluem sumariamente perfis não aderentes a vaga e rebaixam o candidato na ordem de visualização do seu currículo.

Depois disso tudo, se mantenha firme na busca. Não desista. Você vai conquistar a sua vaga. E no mais siga essas orientações. Quando encontrar a oportunidade, leia todos os pré-requisitos. Avalie se você possui pelo menos a maioria deles. E já pense na resposta que você daria ao recrutador caso fosse chamado para uma segunda etapa e ouvisse o questionamento do porquê não ter aquele pré-requisito. E ainda o que você fará para adquiri-lo. Após essa avaliação, você entender que é capaz de cumprir com as tarefas propostas, então prossiga com a candidatura. E boa sorte!

Aguarde, realizando operação...
CLIQUE PARA ACESSAR: